#Recomendo feat. Review: 13 Reasons Why

  Olá, humanos! Hoje nós vamos falar sobre a nova série da Netflix, 13 Reasons Why. E não iremos só recomendar, como também dizer o que achamos da primeira temporada. Antes de mais nada, já adiantamos que essa não é uma série de comédia ou aventura como normalmente recomendamos e falamos aqui, a bagaça é triste mesmo, mas vamos lá!

  A série conta a história de Hannah Baker, uma adolescente que cometeu suicídio e deixou para trás 13 fitas cassetes que seriam entregues para 13 pessoas diferentes que ela dizia serem as razões dela ter feito o que fez. Cada fita conta uma história envolvendo cada um dos personagens e como eles contribuíram para que Hannah quebrasse de vez, assim, cada um escutava, descobria seu papel e passava para aquele que fosse seguinte a ele na história.

  O personagem principal, Clay Jensen, está com as fitas atualmente e aparentemente é o único que acredita nas palavras de Hannah e reage às coisas horríveis que escuta. E pelo fato de ter sido apaixonado por ela, ele foi mais afetado que os outros.

E não é exagero, são coisas horríveis mesmo.

  O motivo da série ter feito tanto sucesso é porque atingiu várias pessoas de diferentes formas. Existem muitas “Hannahs” por aí, que são vítimas de bullying, assédio físico ou moral e estão sofrendo caladas, ou pior, procuram ajuda e não conseguem, como foi o caso da personagem.

  Mas o que mais surpreende é que muitas pessoas passaram a se perguntar se elas estão sendo um “porquê” na vida de alguém. Vejam bem, na série, os “porquês” da Hannah foram pessoas que diziam serem seus amigos e a magoaram de várias formas diferentes, um pior que o outro, eles a traíram, destruíram sua confiança, tiraram sua alegria e a maioria sem nem perceber o tamanho do impacto que causaram.

  Porém, pior do que isso, foi ela procurar ajuda e não encontrar. As pessoas que ela achava em que podia confiar deram facadas em suas costas ou simplesmente sumiram… E você conta nos dedos de uma mão os personagens que não são malditos sons of a bitch. 

  Como foi dito antes, não é uma série feliz, ela não tem um final feliz. Toda vez que você estiver assistindo e acabar sentindo uma ponta de esperança, que algo bom vai acontecer ou pensar que ela e o Clay podem ficar juntos, você vai lembrar que ela já está morta. E vai ficar indignado com a capacidade do ser humano de ignorar os problemas alheios ou julgá-los… Ou omitir coisas horríveis! Porque sim, coisas desse tipo acontecem todos os dias e é por isso que a série é tão impactante.

  Essa série veio em um ótimo momento, a sociedade atual precisava desse tapa na cara, precisava ver o quanto o nosso mundo é errado, assustador e nojento. Por isso recomendamos essa série, ela mostra as coisas de uma forma bem realista e pesada. E sim, tem personagens legais que você vai querer amar e vão tornar tudo menos horrível, sempre tem aquelas melhores pessoas. 

  Por hoje, é só! Não queremos dar spoilers para vocês e nem deixá-los na bad antes mesmo de assistir a série. Esperamos que tenham gostado, deixem nos comentários o que acharam caso já tenham assistido.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s